terça-feira, 12 de fevereiro de 2013

A HARMONIA DA MATEMÁTICA.



Olá Querido Alunos.

Estamos começando mais um ano letivo, de grande importância para nossa existência. Sei que vamos fazer "história",  e será escrito um capítulo inédito no nosso livro da vida. Acredito, que será um ano maravilhoso de muitos desafios, conhecimento, dificuldade e  muito alegria.


Para começar  começar com o número da  Harmonia: O número áureo!!!!!  

O Número de Ouro é um número irracional misterioso e enigmático que nos surge numa infinidade de elementos da natureza na forma de uma razão, sendo considerada por muitos como uma oferta de Deus ao mundo.

o_núm1.jpg (2186 bytes)
O número de ouro aparece em toda parte da natureza: Assista ao vídeo e comprove a sua existência!!


http://www.youtube.com/watch?v=XjOUoLfoLo8

Um Forte Abraço.

Profª Renata Spinelli

segunda-feira, 11 de fevereiro de 2013

O Irracional mais Famoso da História!!! (Todas as Turmas)


COMPRIMENTO DA CIRCUNFERÊNCIA
 

Historiamente, o cálculo do comprimento de uma circunferência sempre foi feito a partir da comparação com o diâmetro. Há  cerca de 4 mil anos, os babilônios obtinham o comprimento da circunferência triplicando o diâmetro. Essa razão entre o comprimento da circunferência e o diâmetro dela é conhecida como o número "pi", ou seja, "pi" é igual a razão entre a circunferência pelo diâmetro. Então, para os babilônios, "pi" era igual a 3. Há cerca de 2 mil anos, Arquimedes (287 a.C.-212 a.C.), um dos mais importantes geômetras gregos de toda a História, publicou um tratado matemático contendo o cálculo do valor de "pi" como um número entre 223/71 e 22/7. Isso equivalia a usar "pi" é igual a 3,14, o mesmo que usamos hoje em dia nos cálculos práticos, um feito notável para a época. 
 
Hoje sabemos que "pi" é o número irracional 3,1415926535879323846264338327950288419716..., aqui escrito com aproximadamente 50 primeiras casas decimais, mas que já foi obtido com precisão de 1,2 trilhão de casas decimais por uma equipe da universidade de Tóquio em 2002. Porém, mesmo hoje em dia, usar "pi" igual a 3,14 é suficiente para as nossas necessidades práticas. Em cálculos teóricos, não substituímos "pi" pelo seu valor.  


 Queridos alunos, leiam com atenção e façam seus comentários...
 
Um forte abraço.
 
Profª Renata Spinelli